Sexta, Outubro 20, 2017

Rastreabilidade

A demanda por produtos limpos, saudáveis e seguros está em amplo crescimento no mercado mundial,  A implementação da rastreabilidade em suínos poderá fornecer benefícios tanto para produtores, indústrias e consumidores.

O objetivo do presente trabalho foi conceituar e analisar os meios de identificação utilizados no processo da rastreabilidade suína do Brasil, bem como descrever os novos identificadores eletrônicos encontrados no mercado. Utilizou-se da pesquisa bibliográfica para conceituar rastreabilidade e descrever os métodos de identificação aplicados na suinocultura brasileira. Os identificadores atualmente utilizados na cadeia produtiva suína apresentam baixo nível tecnológico e baixa confiabilidade, devido a erros na coleta e processamento de dados. No mercado existem diversos identificadores eletrônicos, mas ainda não estão sendo utilizados devido aos elevados custos e a falta de incentivos pelos participantes da cadeia. Com a utilização de identificadores eletrônicos na rastreabilidade suína, o processo de gestão da informação será maximizado, que possibilitará maior agilidade e confiança nas trocas de informações, proporcionando ferramentas que aumentaram a eficiência e eficácia de todos os participantes. O baixo nível tecnológico dos produtores rurais e a falta de incentivos dos órgãos públicos e privados são os principais desafios para o estabelecimento da rastreabilidade eletrônica. Futuras pesquisas devem dar maior atenção à viabilidade econômica da rastreabilidade para que esta nova ferramenta melhore a eficiência de todo o setor.